Loading...

O caso bem reparado Mulher não tem coração

A viúva de Cazuza
Ainda no cemitério
Não ligou para mistério
Se agarrou com seu Zuza;
Tirou os botões da blusa
Na descida do caixão
Eu vi toda arrumação
Tive pena do finado
O caso bem reparado
Mulher não tem coração.

Na cadeira do dentista
A mulher de Bonifácio
Disse: doutor Anastácio
Não faça golpe de vista
O caboclo muito artista
Quando viu o avião
Soltou o seu boticão
E foi pra cima vexado
O caso bem reparado
Mulher não tem coração.

Na feira de Bodocó
Mariquinha de Zé Braz
Se amancebou com rapaz
Matuto e meio bocó;
Com dois dias de xodó
Arrumou um Ricardão
Bem na cara do bobão
Que viu e ficou calado
O caso bem reparado
Mulher não tem coração.

A mulher quando se dana
Que quer lascar o marido
Todo mês é um vestido
Faz unhas toda semana,
Pega e papoca a grana
Gastando sem precisão
Quando atrasa a prestação
O marido é o culpado
O caso bem reparado
Mulher não tem coração.

(Mote: Heleno Louro)
Glosas: Léo Medeiros
Sobral, 19 de outubro de 2009.
Poemas e Poesias 7490052238502591875

Postar um comentário

  1. Com licença Leo Medeiros, me passaram esse mote com uma pequena diferença do que voce glosou(que aliás, sua glosa é de primeira, como sempre.
    ---------------------------------------


    MOTE de Welton Melo
    Glosa de : Edmilson Garcia
    MOTE:(Eu deixei de querer quem me queria)
    (Pra sofrer por alguém que não me quiz
    ----------------------------
    1
    Fui ingrato,ao deixa la abandonada
    E é por isso que hoje estou pagando
    Dia e noite,sofrendo e só lembrando
    Pois foi minha,primeira namorada
    Doce, meiga e muito apaixonada
    Hoje vejo,a besteira que eu fiz
    Ela era pra mim,,”como se diz”
    Minha outra metade, e eu não sabia
    EU DEIXEI DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIZ
    2
    Fui injusto,e joguei pela janela
    O amor,,, que ela, me dedicava
    O valor,que ela tinha eu nunca dava
    Eu errava e botava a culpa nela
    A saudade, que agora eu sinto é dela
    Meu caminho,não tem mais directriz
    Hoje a vida que eu levo não condiz
    Com o jeito, que antes eu vivia
    EU DEIXEI,DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER,POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIZ
    3
    Ela era pra mim, tudo na vida
    E eu era pra ela o seu amor
    Mas eu nem sequer soube dar valor
    À quem mais me quis em contrapartida
    Me mostraram,uma estrada colorida
    E um convite à morar noutro país
    Fui com outra,viver lá em parís
    Mas lá foi sofrimento todo dia
    EU DEIXEI DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER,POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIZ
    4
    Lembro o tempo, de quando fui casado
    Com alguém, que me amou e era só minha
    Tudo que, eu queria,, dela eu tinha
    Hoje vivo,sosinho,separado
    Do amor, que eu tive no passado
    Resta agora em meu peito a cicatriz
    Da mulher que me fez muito feliz
    Sinto muita, saudade, hoje em dia
    EU DEIXEI,DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER,POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIS



    5
    Tudo que,,eu fazia, era por ela
    Tudo que ela,,fazia, era por mim
    Mas foi mesmo,,eu que provoquei o fim
    Do amor,, que era,, so meu e dela
    Hoje o meu,,pensamento é sempre nela
    Do contrário,, o meu ser se contradiz
    Se eu fosse,,à presença dum juiz
    Ser julgado,,ele me condenaria
    EU DEIXEI, DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER, POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIS
    6
    Sem pensar,joguei fora um grande amor
    Deixei ela com o coração partido
    Hoje eu vivo, sofrendo arrependido
    Carregando, no peito grande dor
    Convivendo ,com o triste dissabor
    Não conheço,ninguém mais infeliz
    A saudade, em mim, criou raiz
    Já nem sei, mais o que, é alegria
    EU DEIXEI DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIS
    7
    Percebi, so quando, me vi sozinho
    Que o que fiz,,foi cruel e desumano
    Desprezei,,deixei em, segundo plano
    A mulher, que tanto me deu carinho
    Preferi, percorrer outro caminho
    E em momento, algum, me satisfiz
    Hoje eu sigo, penando,,, e por um triz
    Pra ninguém,,isso eu dezejaria
    EU DEIXEI DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIS
    8
    É difícil, viver com a solidão
    Com a tristeza,e a saudade de alguém
    Pra quem teve,e que hoje já não tem
    Pois com ela,eu deixei meu coração
    Tive tudo,,,ao alcance da mão
    Outra igual, não acho em, outros perfis
    Meu intuito, revela e antediz
    Que eu jamais,,vou poder ter alegria
    EU DEIXEI DE QUERER QUEM ME QUERIA
    PRA SOFRER POR ALGUEM QUE NÃO ME QUIZ

    ResponderExcluir
  2. Muito belas as suas glosas poeta, parabéns!

    Realmente existem motes muito parecidos, inclusive eu ja glosei esse de Welton Melo que vc colocou aqui, não com a grandeza e beleza que tu colocastes. Em breve vou postar as minhas glosas e aproveitarei e colocarei tambem as suas poeta.
    abraços

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Página inicial item

O Donzelo Azarado

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *