Loading...

Estou preso nas grades da paixão Só recebo visitas da saudade

(Mote: Jânio Leite)

Sou um pobre rapaz apaixonado
Que reclama um bem que está ausente
Vivo a vida de modo descontente
Remoendo lembranças do passado;
Um minuto demora pra danado
Um só dia, é uma eternidade
Já não sei o que é felicidade
Sou amante da negra solidão
Estou preso nas grades da paixão
Só recebo visitas da saudade.

Coisa ruim, é amar quem não merece
Entregar seu amor em mãos erradas
Depois ter que passar as madrugadas
Com joelhos no chão fazendo prece;
Dizendo: Oh meu Deus se eu pudesse
Ser mais forte do quê minha vontade
Como um pássaro ganhar a liberdade
E passar bem distante de alçapão
Estou preso nas grades da paixão
Só recebo visitas da saudade.

Glosas: Léo Medeiros
Sobral, 05 de outubro de 2009.
Poemas e Poesias 6022103926401129219

Postar um comentário

  1. Lindo demasi vou por no meu blog,,,,,Beijosss

    ResponderExcluir
  2. Vou por no meu blog lindo demais,,beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu preciso mudar esse enredo
    e voltar para quem me faz feliz
    A despeito dos erros que eu fiz
    hoje sei que amar não é brinquedo
    Já mandei para ela um torpedo
    coisa que nem se faz nessa idade
    Pode até parecer que é falsidade
    mas se errei só preciso de perdão
    Estou preso nas grades da paixão
    só recebo visitas da saudade

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Página inicial item

O Donzelo Azarado

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *